Welcome to my website

Este espaço é dedicado á divulgação de notícias, artigos e informação relacionada com o fenómeno OVNI. Desde Portugal para o resto do mundo.

sábado, 2 de agosto de 2014

BURACO GIGANTE INTRIGA CIENTISTAS NA SIBÉRIA


. Um misterioso buraco gigante na Sibéria, Rússia, tem deixado os cientistas e a população indignados com o seu surgimento. O buraco foi descoberto recentemente e por acaso, quando um helicóptero que sobrevoava a região captou as imagens em vídeo, onde é possível observar uma estranha cratera ao seu redor.
A cratera está situada na Península de Yamal, também chamada de "fim do mundo", a norte da Rússia, onde estão grandes campos de extracção de gás. O facto de ser uma região importante para a produção de petróleo de gás no país, fortalece a teoria de que houve uma explosão no local. Um equipa de cientistas foi enviada para o local para tentar descobrir a causa do surgimento do gigantesco buraco. A expedição inclui um representante do Ministério de Emergências da Sibéria, uma equipa de cientistas e a equipa de reportagem onde irá cobrir o desenrolar da investigação.
Os membros da equipa trabalham agora no local, na recolha de amostras de solo, do ar, e da água ao redor do buraco. A profundidade permanece desconhecida mas o diâmetro é de cerca de 80 metros.





. No início surgiram diversas teorias acerca do buraco, desde a possibilidade da queda de um meteorito, passando pela teoria da aterragem ou queda de um ovni. A hipótese do meteorito já foi descartada, pois a terra acumulada ao redor da cratera aponta para uma possível explosão no local.
Anna Kurchatova, do Centro de Investigação Científica do Sub-Árctico, disse ao jornal The Siberian Times que o buraco pode ser o resultado do aquecimento global. O solo congelado poderia ter acumulado ao longo dos séculos bolsas de mistura de gás, água e sal, e com o calor, o local acumulou uma pressão suficiente para provocar uma explosão semelhante á da rolha de uma garrafa de champanhe.
Confira nos vídeos abaixo!


video

video






Sem comentários:

Enviar um comentário